Eu tinha a chave da vida
bem cheia de emoções
ternuras e ilusões;
E esta foi-me roubada.

Eu tinha a chave da vida
cheia de sonhos...
a trasbordar de paixões
E ela foi-me tirada.

Talvez seja a minha vida
a sina de recordar!...
Por não querer outra amar
talvez seja este meu fado.

Eu tinha a chave da vida
e ela foi-me roubada
Não quero mais outra vida
senão viver minha dôr.

 

música: saudade,amor,verdade,dor
publicado por mcarvas às 01:01