Meu coração polula
ansiando teu regresso
uma chama brota intensa
e em teu peito se enlaça
imprime singela traça
em minh'alma que exulta.

Quan doce o teu regresso
um singêlo despertar
e em teu peito plantar
lírios de encantar
uma vida a começar
não tem dia que o não pense!...

MC

 

publicado por mcarvas às 01:08