Um pregão anunciava
mesmo ao fundo da calçada
que a tenda já estava armada
e toda a aldeia ele tomava.

Dia de feira na aldeia
e mesmo junto à ribeira
uma velha carpideira
se iluminava n'uma ideia.

Rua acima, rua abaixo
em todas as tendas batia
entre os prgões que expelia
ia mostrando um capacho

A vêr se naquele dia
amealhava o dinheiro
que daria por ionteiro
na Senhora D'Agonia.

MC

 

publicado por mcarvas às 19:14