São sombras Senhor!
Estas sombras que alimentam
tantas são que sustentam
esta tão imensa dôr.

É um cavário este caminho
que torna esta vida tão fria
seja de noite ou de dia
ensombra o dia que se avizinha.

Estas sombras persistentes
afloram tão destemidas
guerreando leve esperança

de vê-las então perdidas
sulcando a doçe lembrança
se sua imagem presente!...

MC

 

publicado por mcarvas às 17:29