Toca o sino a repique
Há fogo, há fogo na eira...
Corre o povo na ladeira
antes que sem nada fique.

Ouve-se a ti rosa lina
berrar enchendo o canêco
mandando sentar o neto!
De todos a mais ladina.

Carrega o zé o tractor
a resmungar com a mulher
que reze quando poder
ao seu santo protector.

O fogo não quer cá rezas
ouve-se dizer ao fedelho;
Não metas cá o bedelho
que a avó não esta p'ra prozas!...

Foge dali muito corado
a vêr se a zanga passa
que a avó não achou graça
e o chinelo é pesado!...

MC

 

publicado por mcarvas às 17:14